Pages

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Sethas faz primeira carteira do artesão de jovem do Ceduc de Caicó

Hoje foi feita a primeira carteira de artesão para um adolescente que cumpre medida socioeducativa no Rio Grande do Norte. Interno do Ceduc de Caicó, o jovem começou a fazer bordado vagonite e pintura como parte das atividades desenvolvidas no cumprimento de sua medida. Ele conta que o trabalho manual o ajudou a melhorar o comportamento e a garantir uma renda. De volta à sua casa nesta sexta-feira, o adolescente afirma que vai dar continuidade ao trabalho e começar a vender suas peças.

A confecção da carteira do jovem faz parte da iniciativa da Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas) de fazer uma busca ativa de artesãos no Estado. “Nós sabemos que o artesanato é uma fonte de renda que garante o sustento de famílias inteiras. Então estamos buscando esses artesãos para fazerem a carteira nacional porque ela concede benefícios como a possibilidade de participação em feiras realizadas ou apoiadas pela Sethas, por meio do Proart (Programa Estadual do Artesanato)”, explicou a titular da secretaria, Julianne Faria.

Segundo a coordenadora do Proart, Salmira Torres, o adolescente vai sair do Ceduc com dois jogos de toalhas e panos de prato para começar sua produção. Com a venda dos produtos, ele poderá investir o dinheiro ganho em material para dar continuidade ao trabalho. A carteirinha, diz ela, demora cerca de 30 dias para ser entregue.

Nenhum comentário: