Pages

terça-feira, 21 de agosto de 2018

Garibaldi participa de encontro e recebe carta de princípios do Fórum de Servidores

GARIBALDIO senador Garibaldi Filho (MDB/RN) esteve na manhã desta terça-feira (21), no Sindicato dos Auditores Fiscais do Rio Grande do Norte (Sindifern), para receber, a pedido da categoria, uma carta de princípios do Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas do Estado (FONACATE), que é centrada no fortalecimento do Estado Democrático de Direito, na valorização dos servidores e na qualificação dos serviços públicos.

Durante a reunião, também foi discutido ideias para a realização de uma reforma tributária, onde os mais pobres pudessem arcar com menos tributo, e em contrapartida o Estado conseguisse arrecadar mais – trabalhando no sentido de evitar a evasão e sonegação fiscal.

Para Garibaldi, a discussão em torno do tema das reformas é válido, apesar de exigir cautela e critérios técnicos. Ele destacou a importância do momento eleitoral como um período propício a este tipo de debate de maneira responsável, sem radicalismo ou polarização.

“É importante que nós possamos discutir propostas como essa, porque a campanha política é muito curta e ela deixa a desejar no aprofundamento dessas questões. A necessidade da reforma tributária é um consenso, mas é gerada muitas divergências sobre como será realizada. Falta convergência nas propostas e por isso é muito importante discutir bem o assunto”, destaca.

O presidente do Sindifern, Fernando Freitas comunicou que o objetivo do fórum é atingir a todos a classe política do RN, sobretudo a bancada federal, já que os debates ocorrem em nível nacional.

“O nosso objetivo aqui é trazer uma discussão sobre a reforma tributária nacional e seus impactos, sobretudo no Rio Grande do Norte, assim como sua influência direta no ciclo produtivo do País. Experiências da Europa, Ásia e dos Estados Unidos mostram uma nova realidade tributária, em que o imposto incide na renda e no patrimônio, ao invés de incidir no consumo”, disse o presidente.

O senador assinou a carta de princípios e se comprometeu em atuar em Brasília, junto ao Congresso e ao Governo Federal, para que os itens do documento sejam amplamente debatidos. Participaram da reunião, representantes dos auditores fiscais dos municípios, do Estado e da União, e do Sinpol/RN.

Nenhum comentário: