Pages

quinta-feira, 1 de junho de 2017

Agripino comemora prorrogação da isenção do adicional de Marinha Mercante

AgripinoSegundo o senador, benefício é primordial para a sobrevivência da indústria salineira no RN

O senador José Agripino (RN) comemorou a aprovação, nesta quarta-feira (31), pelo Senado, da medida provisória (762/2016) que prorroga a isenção do Adicional ao Frete para Renovação da Marinha Mercante. A isenção beneficia o transporte de mercadorias cuja origem ou cujo destino final sejam portos localizados nas Regiões Norte ou Nordeste.  A matéria vai à sanção presidencial.

Segundo o senador potiguar, essa é uma matéria que interessa não apenas o Brasil, mas principalmente o Rio Grande do Norte. “Essa MP tem um enorme significado para o Brasil, mas, para meu estado, é particularmente muito importante. Ela significa a sobrevivência da indústria salineira do RN, porque a concorrência com o sal do Chile, que não paga o Adicional de Frete da Marinha Mercante, liquidaria a indústria de sal do meu estado”, destacou Agripino.

O benefício para portos da região Norte e Nordeste havia expirado em janeiro deste ano, mas a MP prorrogou o prazo final da isenção para cinco anos, ampliando até 8 de janeiro de 2022. “Ao se manter a cobrança do sal brasileiro, o sal do Chile entraria e liquidaria uma indústria que é centenária, que é própria do meu estado e que abastece um mundo de indústrias do Brasil inteiro. Com essa aprovação, garantimos a sobrevivência da indústria de sal do RN”, destacou o parlamentar.

Nenhum comentário: