Pages

terça-feira, 14 de março de 2017

EMPARN fará análise de solos na Paraíba

O pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), José Araújo Dantas, participou na semana passada de uma reunião na Secretaria do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca da Paraíba, em João Pessoa. O encontro tratou do planejamento do zoneamento agroecológico daquele estado. A EMPARN contribuirá ativamente para o projeto realizando todas as análises de solos.

O trabalho consiste em identificar os solos de 35 municípios paraibanos, detalhando suas características e aptidões agrícolas para sequeiro e irrigação. Serão trazidas mais de 800 amostras para análises completas com custo a ser assumido pelo Governo da Paraíba, através da Fundação Parque Tecnológico. A área total abrange vários municípios que vão receber as águas do Rio São Francisco, somando 1.786 quilômetros quadrados. Esse mesmo trabalho será realizado em solo potiguar quando as águas do Rio São Francisco chegarem ao Rio Grande do Norte.

Na reunião inicial, foram discutidas questões operacionais do trabalho em campo e custos. O plano deverá ser executado em um prazo de 30 meses, com a conclusão da primeira etapa em agosto. O novo laboratório da EMPARN, instalado no ano passado na sede da empresa, no Jiqui, foi escolhido por possuir todos os selos de qualidade concedidos por instituições avaliadoras de renome nacional como a USP e a Embrapa.

Nenhum comentário: