Pages

sexta-feira, 18 de março de 2016

Governador destaca ações no turismo durante abertura do 7º Fórum de Turismo

Os investimentos na área do turismo durante 2015 e o planejamento para o setor neste ano foram alguns dos pontos abordados pelo governador Robinson Faria durante a abertura do 7º Fórum de Turismo do RN "Promover Destinos, Desenvolver Regiões”, que ocorreu simultaneamente durante a 2ª Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN (Femptur). A abertura do evento ocorreu na tarde desta quinta-feira (17), no Centro de Convenções, com parte do trade potiguar, empresários e representantes do turismo do Estado. O encerramento será nesta sexta-feira (18).

O objetivo do Femptur é ampliar aos potiguares a visão e os potenciais turísticos que podem ser explorados nos mais diversos segmentos como turismo de aventura, gastronômico, de negócios, religioso, além do já tradicional, com o roteiro das praias e belezas naturais. Para isso, a feira traz neste ano 118 estandes de empresas representantes da cadeia produtiva, de municípios e de artesãos, com peças de artesanato, gastronomia, serviço de hotelaria e passeios diversos. A estimativa que oito mil pessoas circulem pelo espaço e participem do Fórum nos dois dias.

No discurso, o governador Robinson Faria destacou as principais ações desenvolvidas na área do turismo em 2015 como a redução do ICMS incidente sobre o querosene de aviação, que propiciou ao governo assegurar 11 novos voos nacionais (quatro para São Paulo, quatro para Belo Horizonte, um para Campinas (SP), um para Goiânia e um para Brasília). Somado a isso, foram retomadas parcerias com as principais operadoras do Brasil, dentre elas a CVC, Visual, Tam Viagens, Azul Viagens e Hotel Urbano, além da articulação para o HUB da Latam e assegurados 600 voos extras com a CVC durante o período de alta estação (de dezembro ao final de fevereiro).

“Tudo isso foi possível porque levantamos a bandeira do turismo desde o início. Precisávamos colocar o Rio Grande do Norte de novo na rota das grandes companhias e operadoras para que o setor voltasse a ser relevante. Fizemos, junto com o secretário de Turismo Ruy Gaspar, um trabalho durante o ano passado de vender o destino e oferecer contrapartidas para atrair novos voos, estratégia que deu certo”, declarou o chefe do Executivo Estadual, ressaltando que o Governo está aberto a novas ideias que fomentem a cadeia produtiva do turismo em todo o estado como foco também na interiorização.

Centro de Convenções

Outra estratégica citada por Robinson Faria como parte da política de promoção do turismo foi a ampliação do Centro de Convenções, que está em curso. Com investimento de R$ 30 milhões, com recurso assegurado pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC Turismo), será construído um novo pavilhão, que terá uma formatação mais flexível para receber eventos variados, aumentando a capacidade de 7 mil para 11 mil pessoas que poderão ser atendidas ao mesmo tempo ou divididas em até três espaços. Atualmente, o Centro de Convenções possuiu 14.255,39 m² de área construída, após a ampliação passará a ter 22.403,69 m² de área edificada.

Fotos: Ivanízio Ramos

Nenhum comentário: