Pages

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Assalto a transportadora de valores termina em tiroteio no Recife

Um assalto a uma transportadora de valores, na Zona Oeste do Recife, acabou em tiroteio, na madrugada desta terça-feira (21). De acordo com a polícia, cerca de 30 bandidos fortemente armados participaram da ação criminosa. Houve explosões e três policiais militares ficaram feridos. Ninguém foi preso. [Veja vídeo acima].

Ruas foram fechadas e carros foram incendiados. Um caminhão também ficou destruído. Segundo a polícia, os ladrões conseguiram levar o dinheiro do cofre da empresa.

O Hospital da Restauração (HR), no Derby, na área central da capital, recebeu pelo menos um soldado ferido. Ele é de uma companhia independente da corporação e levou um tiro no braço. Outros dois PMs também acabaram sendo baleados, mas passam bem.

Por volta das 3h20, moradores do bairro da Estância começaram a ouvir muitos tiros. Houve relatos de fumaça em importantes avenidas da área. Grampos de metal foram colocados nas vias do entorno da transportadora de valores. Houve relatos de tiros nos bairros do Caçote e Jiquiá, na mesma área.

De acordo com o comandante da PM, coronel Vanildo Maranhão, os bandidos, tinham como alvo principal uma empresa de transporte de valores. Para entrar no cofre, eles explodiram o muro de uma loja de conveniência, que fica no terreno ao lado. "Eles conseguiram entrar no cofre e levaram o dinheiro", contou.

O primeiro ataque aconteceu quando os bandidos furaram uma blitz do Batalhão de Trânsito, na Avenida Recife, uma das principais da Zona Oeste. Houve um confronto no local. "Eles estavam com caminhões para furar o bloqueio", declarou o coronel.

Em seguida, os bandidos fizeram o cerco ao alvo principal. "De acordo com os policiais que atuaram na ocorrência, os ladrões tinham sotaque do Sul e Sudeste do país", observou.

Funcionários do Supermercado Makro, localizado na Avenida Recife, relataram que os bandidos efetuaram disparos na frente do estabelecimento. Mercadorias foram atingidas. Com medo e para se protegerem, os trabalhadores da limpeza se jogaram no chão. Os criminosos estavam no caminhão-baú usado para furar a blitz do Batalhão de Trânsito.
Depois das investidas criminosas, a PM mobilizou cerca de 138 homens de vários batalhões. Um helicóptero foi usado para tentar localizar os suspeitos.

G1/PE    Fotos: Antônio Coelho

Nenhum comentário: