Pages

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Centro de Artesanato do Seridó será inaugurado em julho

Um sonho antigo dos artesãos seridoenses está mais próximo de se tonar realidade. O governador Robinson Faria e a secretária de Trabalho, Habitação e Assistência Social, Julianne Faria, assinaram, nesta quinta-feira (16), a ordem de serviço para instalação do Centro de Comercialização do Artesanato do Seridó que vai funcionar no prédio da antiga Casa de Coletoria de Caicó, no bairro Paraíba.

“Enviamos 15 ofícios para três governos anteriores solicitando que fosse criado um centro de artesanato onde funcionou a Casa de Coletoria, mas nunca fomos atendidos. Em 2015, nem enviamos ofício, pedimos informalmente à secretária Julianne, ela veio até Caicó visitar o prédio, se comprometeu em fazer essa obra pois já coincidiu com o desejo dela e hoje já foi assinada a ordem de serviço. Estamos muito satisfeitos”, relatou a presidente do Comitê Regional das Associações e Cooperativas Artesanais do Seridó, Arlete Silva Andrade. A entidade congrega 3 mil artesãos de 20 associações, três cooperativas e três clubes de mães.

A obra, que vai beneficiar cerca de 3 mil artesãos dos 23 municípios da região, está orçada em R$ 350 mil, com recursos do RN Sustentável. Segundo a secretária, ela deverá ser concluída até julho. “Me comprometi com os artesãos de realizar essa importante obra e hoje estamos dando o passo inicial para que ela se torne realidade”, disse.

O governador Robinson Faria destacou a importância de fomentar a cadeia produtiva do artesanato, pois é uma grande geradora de emprego e renda. Ele disse ainda que o Centro irá impulsionar a atividade na região do Seridó que tem tradição no artesanato.

Nenhum comentário: