Pages

terça-feira, 12 de julho de 2016

Nutricionista dá dicas para uma alimentação saudável nas férias

Os pais devem utilizar as férias escolares para promover a educação alimentarNatal, 12 de julho de 2016 - Nas férias escolares, as crianças precisam de muita energia para brincar em casa, no clube ou na praia. Por isso, uma alimentação saudável pode melhorar a resistência corporal dos pequenos. Como neste período alguns hábitos alimentares e horários das refeições são alterados para dar espaço à diversão, é preciso que os pais fiquem atentos.

Para a nutricionista do Hapvida Saúde, Danielle Cardoso, é nas férias que muitos pais têm tempo livre com seus filhos e, com isso, devem utilizar esse tempo para promover a educação alimentar, uma vez que os próprios pais são o "espelho" para as crianças. “Nada de usar uma má alimentação como doces, guloseimas em excessos ou fast foods como forma compensatória a um bom rendimento escolar”, relata.

Alimentos como frutas, sucos, vitaminas, bolo simples e tapioca são opções que proporcionam energia vinda dos carboidratos e proteínas, e contribui para imunidade, juntamente com as vitaminas, minerais e fibras, no qual auxiliam em um bom funcionamento intestinal e no controle da saciedade.

Uma dica importante para os pais é utilizar as férias com as crianças para ir a uma feira livre, conhecer novos e bons alimentos como frutas e hortaliças e estimular à prática de atividade física, que será de grande importância em qualquer fase da vida, e muitas dessas atividades podem se tornar brincadeiras. “O ideal é que possamos manter horários regulares tanto para a alimentação quanto para a prática de atividade física, não esquecendo de fazer aquele lanchinho leve e saudável antes de se exercitar e ingerir bastante água”, ressalta.

Segundo Daniella, quando se fala em uma alimentação saudável, diversos fatores positivos andam em conjunto, como exemplo, a redução de desenvolvimento de Doenças crônicas não Transmissíveis (DCNT) - Hipertensão arterial, Diabetes Mellitus, Dislipidemias e controle do peso corporal.

Nenhum comentário: