Pages

segunda-feira, 7 de março de 2016

Quase 30 prédios públicos ficam sem energia em Caiçara do Norte

Exatos 29 prédios públicos de Caiçara do Norte estão sem energia desde o final da manhã desta segunda-feira (7). A energia foi cortada pela empresa prestadora do serviço e o motivo foram as dívidas que se acumulam há vários meses e a falta de negociação por parte das gestões anteriores. 

O prefeito Vinicius Almeida, que assumiu o cargo há 30 dias, informou que praticamente todos os serviços estão parados pela falta de energia. Os prédios de todas as secretarias estão sem luz. Apenas o posto de saúde que continua em funcionamento porque foi poupado pela companhia energética. Ele explicou que mesmo a dívida de quase R$ 10 mil sendo antiga, a gestão está trabalhando para negociar as dívidas e retomar a normalidade dos serviços.

"Essa é mais uma dívida que vem se alastrando desde a gestão passada. A gestão passada não cumpria com fornecedores e o Município está em um estado de calamidade. Nós encontramos a conta da Prefeitura zerada. Sem nada em caixa. Só estamos conseguindo negociar agora com o que foi arrecadado de janeiro. Pra se ter uma ideia o posto de saúde foi poupado do corte, mas ao todo são 29 prédios. Isso dívida de um fornecedor. Fora os outros", disse.

De acordo com o prefeito Vinicius, além do problema da falta de dinheiro, também houve problema para localizar os processos. O prefeito informou que todos sumiram. O Ministério  Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) foram notificados da situação. "A nossa gestão está tentando colocar a casa em ordem e o que for encontrado de errado vai ser informado às autoridades competentes", completou.

Nenhum comentário: