Pages

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

EMPARN promove Dia de Campo de algodão e girassol

Com a participação de cerca de 40 pequenos produtores rurais de diversos municípios, a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), vai realizar nesta terça-feira (8), no Parque de Exposições Nélio Dias, em Lajes, região central do Estado, um Dia de Campo com palestras e visita às áreas de produção. Os temas desse evento, coordenado pelos pesquisadores Marcelo Abdon Lira e Aldo Arnaldo de Medeiros, são as culturas do algodão e do girassol.

Sobre o girassol, segundo Marcelo Lira, a ênfase a ser dada é para a produção de óleo e forragem (alimentação animal), além do incentivo à produção de mel na região do Mato Grande. Já sobre o algodão, segundo o pesquisador Aldo Arnaldo de Medeiros, o foco principal é a produção de algodão colorido. Os pesquisadores vão fazer suas palestras com ilustrações mostrando desde o preparo do solo, escolha das sementes, o plantio, cuidados e a colheita.

O mercado do algodão colorido está em ascensão, especialmente por dispensar o uso de produtos químicos na industrialização. Já no cultivo do girassol as vantagens são diversas: como fonte proteica o girassol é classificado como a quarta opção para ração animal e uso humano. Poder ser também integrado à criação de abelhas e à pecuária (como ração), proporcionando uma oferta maior de óleo e contribuindo assim para reduzir as importações (biodiesel).  

Nenhum comentário: